NA REDE
FACEBOOK INFORMATWITTER INFORMALINKEDIN INFORMABLOGGER INFORMAORKUT INFORMA

EXPO SÃO ROQUE: Sempre em Outubro
A primavera espanta o frio e faz florescer alcachofras na região de São Roque. Segundo a Associação Brasileira de Horticultura, a cidade, juntamente com os municípios de Piedade e Ibiúna, é responsável por 85% da produção nacional desta iguaria.
Não é à toa, portanto, que a alcachofra é a estrela da tradicional Expo São Roque, que no ano passado apresentou sua última edição.

GALERIA DE FOTOS EXPO SÃO ROQUE

A Alcachofra e a
Expo São Roque

Alcachofras e Vinhos


 

 

 

 

 


A alcachofra: Uma iguaria que também é remédio


A alcachofra (Cynara scolymus L.) é uma hortaliça herbácea , perene, pertencente à família Compositae ou modernamente Asteraceae. De acordo com Vavilov a espécie surgiu na região central do Mediterrâneo. Adaptada a clima ameno, não tolera frio intenso e encharcamento do solo.
É cultivada, principalmente, em regiões serranas ( altitude superior a 700 metros), com verão ameno e inverno com geadas fracas. Em local quente e seco, ocorre a abertura precoce do botão, que prejudica a qualidade da porção comestível.

Importância
As partes comerciáveis são as inflorescências, vulgarmente chamadas botões, utilizadas para consumo in natura. A parte interna do talo pode ser consumida como palmito, sendo muito apreciada pelas cozinhas italiana e francesa. A alcachofra é considerada planta medicinal, tendo efeitos benéficos nas atividades gastrointestinais e do coração, auxiliando ainda o fígado na sua ação neutralizante de toxinas presentes no organismo. Também pode ser usada na extração da cinarina das folhas, um diurético. Além de apresentar baixas calorias, é rica em vitaminas e minerais. Na Itália é também usada na fabricação de um licor, popular e bastante amargo.

Segundo dados da Food and Agriculture Organization of the United Nations (FAO), citados por GRAIFENBERG (1987), a cultura ocupa, no mundo, uma área de 114000 ha, com produção de 1070000 t. Cerca de 90% desta área se encontram na região do Mediterrâneo e o restante nos Estados Unidos (6000 ha). Neste último continente, a maior área está na Argentina (4000 ha). A Itália, com 52000 ha, é o país onde a espécie é mais amplamente cultivada, seguida da Espanha com 23000 ha, França com 15000 ha e Marrocos com 5000 ha.

No Brasil, seu cultivo é ainda recente, ocupando pequenas áreas nos Estados de São Paulo ( em municípios próximos à capital), do Paraná e do Rio Grande do Sul (na região norte).

Cultivo
Existem várias cultivares tais como Roxa Comprida, Roxa Romana, Verde Redonda, mas no Brasil a cultivar mais plantada é a Roxa de São Roque


...................PROCURE POR: . .................................................................